quarta-feira, 24 de junho de 2009

O Assunto é...SEPE CAMPOS...




Palavras Acesas: ELEIÇÕES DO SEPE...



FABIO SIQUEIRA: Sobre o chororô na rede

Já que entrei para a luta ... as antenas ficam ligadas quando o assunto é SEPE..

Acredito que após esta eleição o SEPE tem tudo para reaproximar a categoria da rede municipal ao sindicato ,resgatando assim a capacidade de mobilização que tanto contribui para alcançar conquistas;digo isto pois as 3 vezes que a urna chegou á escola muitos professores queriam participar mas, não eram filiados e alguns já me procuraram para este fim.

Eu penso e quero ver nossas assembleias com centenas de professores da rede e nós que já estamos na luta precisamos saber ouvir quem está chegando...pois os novatos que aparecerem com certeza querem e devem falar.E a diretoria precisa estar unida pois os desafios são reais!

É essa categoria nova nos bastidores que poderá fazer muito e até mais do que muitos que ocupam o assento na direção!...

Nossa categoria anda oprimida,sem ânimo,é preciso animá-la e nosso companheiro e visionário de luta Maicon Bezerra já disse " O sindicato precisa estar com a categoria para que a mesma esteja com o sindicato. A permanente prestação de contas e a constante convocação dos profissionais da educação para viver a dinâmica da mobilização devem ser os princípios básicos da ação do SEPE-Campos. Para isto é preciso atitude e disposição de luta e organização, utilizando recursos que devemos construir e adquirir, como jornal, carro de som, portal na Internet, e etc..."

É importante lembrarmos que a companheira Graciete Santana Nogueira Nunes, líder sindical do SEPE, militante-dirigente do PCB, sempre demonstrou sua capacidade de lutar pelo que acredita, ...Concorde-se ou não com suas crenças políticas, uma coisa é inegável: Ela tem coragem...!

Antes mesmo de saber que faria parte desse processo eleitoral fiquei bem atenta quando li sobre as eleições do SEPE (bem antes das chapas serem formadas)e procurei guardar comigo algumas coisas para na hora certa compartilhar neste espaço.

Em Campos dos G., o SEPE acabou de encerrar um processo de eleições internas para definir seus novos dirigentes...A própria estrutura do SEPE, colegiada e proporcional onde não há um presidente, e os menos votados ocupam assentos na direção, na proporção dos votos obtidos, "exige uma cauterização das cicatrizes deixadas no processo eleitoral..."(XACAL).

A Democracia interna do Sindicato é mais saudável... embora abrigue um número não muito pequeno de tendências e facções,não impedem de alcançarmos importantes conquistas e mantê-las ...lógico que algumas tendências permanecerão,algumas irão quando as incompatibilidades forem irremediáveis, e outras se fundirão...

Acho que agora mais do que nunca não podemos deixar que a disputa por hegemonia do aparato partidário e sindical imobilize o SEPE com lutas fraticidas...Pois não é hora de concentrarmos energias em derrubar o adversário interno e sim de unificarmos em torno do inimigo comum externo...

Nesse contexto, é importante a atual direção sindical não fazer corpo mole frente a necessidade de unificar a luta pelos direitos da categoria e conquistar direitos que são de todos!É preciso conseguirmos enxergar além dos cortes políticos das nossas tendências e facções...

Tomara que essa Assembleia de hoje sirva para romper esses laços que atam a conquista dos direitos dos profissionais de ensino da rede municipal...

"Mas que fique claro: melhor a democracia interna que a obediência cega e "religiosa" aos "senhores feudais partidários"...!"(Xacal)


A Assembleia de hoje, convocada pelo SEPE, às 17 horas no Sindicato dos Bancários, onde estarão profissionais da educação da rede municipal, professores e funcionários, é um evento importante pois estaremos articulando uma maneira de enfrentarmos o descaso,a manipulação e o autoritarismos do governo.

Pode ser que não haja tantas pessoas no encontro mas "política não se faz apenas com quantidade, porém muito mais com simbologia..."

É urgente despertar a categoria para comparecer ás assembleias, arrumar uma maneira das nossas reivindicações se alastrarem por cada Escola municipal, quer seja com a reivindicação por melhores condições materiais e salariais, quer seja com o movimento eleição direta, diretor...!

E aí categoria da Educação?
Quando conseguiremos falar bem alto aos ouvidos anestesiados da sociedade que o governo detesta a Educação pública, gratuita e de qualidade???

Quando diremos que não podem os mais trabalhar sob o jugo de diretores,indicados em esquemas de vereadores e cabos eleitorais???


E já está marcada a audiência pública na Câmara Municipal sobre as Diretas para as escolas municipais. Vai ser no dia 02 de Julho às 15:00.

4 comentários:

eduardo disse...

Professora Hilda, seus comentários a respeito do governo está correto, pois a educação está cada vez mais deixada de lado. Tenho acompanhado constantemente seu blog e admiro ainda mais seu trabalho mesmo não a conhecendo, mas já percebi que possui um caráter fantástico! Parabéns e continue batalhando. Qdo tiver um tempinho de uma olhadinha no meu blog é de esportes, mas ajuda a tirar o peso do dia dia! http://eduardoalberton.blogspot.com

Anônimo disse...

PROFESSORA,
E o FUNCIONÁRIO ESTADUAL?????????

Amanda disse...

Querida Hilda, a audiência pública foi transferida para o dia 09 de julho, às 15 horas e a nossa assembleia para o dia 10 de julho, às 17, no Sindicato dos Bancários. Fomos comunicados hoje e compreendemos que seria melhor não agendar a assembleia para a mesma data por conta da proximidade dos horários.
Grande abraço.
Amanda Muniz
SEPE/Campos

Valdecy Alves disse...

Sem dúvida que a blogosfera é o grande espaço para divulgação do pensamento moderno. Seja o conhecimento necessário à sabedoria, seja o conhecimento necessário à construção da justiça social.... Assim, além de parabenizar pelo blog, convido para ler artigo no meu blog sobre os 10 municípios que pagam os 10 piores pisos no Estado do Ceará, abaixo do salário mínimo: www.valdecyalves.blogspot.com