quarta-feira, 9 de setembro de 2009

A qualidade da educação brasileira

Tendo trabalhado alguns meses com Recursos Humanos, lidei um pouco com a contratação de pessoal e com a qualidade da mão de obra das pessoas que se formavam em nossas escolas de ensino médio e universidades.

A qualidade do ensino afeta o conhecimento das pessoas que entram no mercado de trabalho.É cada vez mais difícil se encontrar profissionais qualificados, apesar das escolas e universidades estarem formando cada vez mais alunos.

Um dos problemas está nos professores e nos investimentos que deveriam ser feitos para equipar as escolas, tanto de material como as próprias instalações físicas.

Com os salários reduzidos os professores têm que ter uma carga dobrada de trabalho para que possam dar condições mínimas de sobrevivência a sua família.
No entanto a carga horária do professor não se resume ao tempo que está em sala de aula. A maior parte de seu tempo é consumida com a preparação das aulas, correção de exercícios e atenção individual aos alunos com maiores dificuldades de aprendizado.

Com o fato de terem de dar aulas em dois ou até três escolas diferentes, o preparo das aulas fica prejudicado. O professor não tem tempo para dar atenção aos alunos que necessitam, muito menos de se reciclar e de se atualizar.

Resultado, a qualidade da mão de obra que nos é fornecida pelo sistema de ensino é cada vez mais deficiente.

Nossos impostos que deveriam ser aplicados em educação são gastos na manutenção de nossos políticos em Brasília e nos estados, no pagamento de cartões corporativos, nas viagens do Força Aérea 51, nos convescotes de prefeitos para lançamento de candidatura a presidência da república, em operações plásticas e aplicações de botox e na corrupção desenfreada do governo Lula.

Os leitores por favor me corrijam se falei alguma bobagem.

7 comentários:

Xacal disse...

Falou besteira sim, Hilda...Justíssima sua revolta com a piora da qualidade do ensino...Preciso seu diagnóstico dos problemas enfrentados pelos profissionais do ensino...

Mas, infelizmente, o final de seu discurso escorrega feio para a cantilena udenista que assola esse país, e procura, desqualificar o exercício da política e das instituições...

É claro que há exageros e mordomias...devem ser abolidas...mas daí a tratar esses desvios como causa principal dos problemas da educação é ingenuidade, pois não credito a você a quem muito respeito, a mesma má-fé do PIg nacional...

Os problemas da educação residem nas escolhas políticas públicas, no modelo privatista, desregulamentador, na opção pela contratação sem concurso público, com a visão patrimonialista do estado, que privilegia obras e materiais em detrimento de pesssoas...

Os problemas dos desvios de conduta de nossos governantes e parlamentares são graves, como símbolos de impunidade, eu até concordo...

Mas absolutizar essas questões como explicação para o caos da Escola Pública não resolve...ao contrário: esconde a verdadeira raiz, e por conseguinte, as soluções do problema...

A manutenção dos políticos e da política é fundamental a Democracia...O presidente deve viajar sim, de avião, e com conforto e segurança...

Não dê eco a essa cantilena neoudenista...você é muito mais que isso...tenho certeza...

Um abraço...

DIGNIDADE CAMPOS DOS GOYTACAZES disse...

Olá Hilda. Como o Xacal já disse é justa sua revolta sobre a piora na educação, essa revolta não é exclusiva da categoria, e sim da sociedade. Responsabilizar o governo Federal pelo caos na educação do país é estar absolvendo Estados e municípios de suas responsabilidades.
As estruturas das unidades, onde a grande maioria é responsabilidade dos estados e municípios. Não precisamos citar outro município, aqui em Campos temos o pior dos exemplos de investimentos na educação, seja ela, na estrutura física, material, pedagógica e profissional.
Muitas vezes estados e municípios deixam de receberem recursos, pela péssima administração, por deixarem de fazerem prestações de contas, por exemplo.
Muitas das escolas hoje são equipadas pelo governo federal, em contra partida, estados e municípios não zelam através de segurança para que escolas não sejam invadidas e tento seus equipamentos furtados, ou em manutenção, para que não fique parado.
A falta de responsabilidade e critérios nas aplicações dos recursos públicos recebidos por meio de programas, tipo PDDE, PDE e outros, fazem com que a área pedagógica das unidades fiquem comprometidas em seu desenvolvimento.
A respeito das mordomias, também concordo que há exageros, mas algumas são necessárias.
Respeito, mas não concordo com o final de sua opinião.

A luta continua.
Abraços

Professores do CEJOPA disse...

Caros blogueiros,

Nós, professores do Colégio Estadual José do Patrocínio(CEJOPA), após reunião realizada no dia 09/09/2009, às 10h, nas dependências desta unidade de ensino, decidimos paralisar as atividades na instituição em repúdio às agressões sofridas por profissionais da educação na última terça-feira. A manifestação realizada em frente ao prédio da ALERJ, no Rio de Janeiro, contra o descaso das autoridades em relação à categoria foi reprimida violentamente, deixando 11 professores feridos.

A decisão sobre a paralisação nesta unidade foi tomada pela maioria presente na reunião, e todos os professores se dirigiram às salas de aula com o objetivo de comunicar aos alunos sobre a posição adotada. Buscamos ainda conscientizá-los a respeito do comprometimento de todos, docentes e discentes, na luta por uma educação responsável e de qualidade.

Finalmente, estaremos reunidos amanhã, 11/09, às 7h30min, a fim de apurarmos os resultados deste ato, reafirmando uma posição de alerta contra todas as atitudes que ameacem a construção de um projeto de sociedade livre, justa, ou que não considerem a educação como princípio básico.

Publiquem, se puderem!

Anônimo disse...

DIPLOMA?
EXIGIDO?
QUEM OS ASSINA?

QUEM ENSINARÁ OS FUTUROS ALUNOS??????SE É QUE EXISTIRÃO???
POR ACASO SERÁ ALGUM "PROFESSOR"???
SE OS PROFESSORES NÃO MERECEM O MENOR RESPEITO,COMO SERÃO OS RESPONSÁVEIS POR QQ PROFISSÃO NESSE PAÍS??????????????
ALGUMA COISA PRECISA SER FEITA...
ALGUMA PROVIDÊNCIA PRECISA SER TOMADA COM URGÊNCIA,POR TODOS OS BRASILEIROS...
IMAGINEMOS SE OS PROFESSORES,RESOLVEREM TROCAR DE PROFISSÃO???
OU SIMPLESMENTE DEIXAREM DE ENSINAR???
COMO FICARÃO NOSSOS FILHOS?
NOSSOS NETOS?
ESSA SITUAÇÃO DOS PROFESSORES É UM CASO DE CALAMIDADE PÚBLICA...
EXIGEM-SE DIPLOMAS PARA TODAS AS PROFISSÕES,INCLUSIVE PARA SER PROFESSOR...
SE AS PESSOAS NÃO QUISEREM MAIS ESSA "MAGNÍFICA/INSIGNIFICANTE" PROFISSÃO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
JÁ PARARAM PARA PENSAR???????????
SER POLÍTICO,INDEPENDE DO GRAU DE INSTRUÇÃO QUE SE TEM...MAS TEM-SE QUE TER UM MÍNIMO:
"ENSINO FUNDAMENTAL"
O PRÓPRIO NOME DIZ FUNDAMENTAL!!!
QUEM GARANTE ESSE GRAU MÍNIMO,PORÉM FUNDAMENTAL DE ENSINO?????????
SERÁ QUE SÃO OS GOVERNANTES,OU POR ACASO SERIAM OS PROFESSORES??????????
OS FILHOS DOS "POLICIAIS" QUE ATIRARAM CONTRA OSA PROFESSORES,ESTUDAM?????
QUEM OS ENSINA????
OS DEPUTADOS TEM ALGUM GRAU DE INSTRUÇÃO???????????
COMO CONSEGUIRAM?????????
O DINHEIRO ELES PODEM TER...MAS PARA ENSINAR,O DINHEIRO NÃO ENSINA...SÓ O PROFESSOR FAZ ISSO.
PERCEBAM ENQUANTO HÁ TEMPO...
NÃO SUBESTIMEM OS PROFESSORES....
O ATINGIDO PODE SER VOCÊ!

Xacal disse...

o comentarista último desconhece um fator básico:

o "conhecimento", ou nesse caso "a sabedoria" para exercício da política dentro de valores, e com senso coletivo, transcende a escolarização...

veja bem: esse país foi conduzido por doutores, phds, generais(todos com formação superior), técnicos e burocratas de toda sorte, resultado: toda a sorte de marginalização, disseminação da pobreza e solapamento do magistério...justamente pelos doutores...

em um país que boa parte da população está fora das universidades, e sequer termina o 2 ºgrau falar em escolaridade mínina para exercício do mandato é quase uma tese fascista...

essa tese de que nossa democracia vale menos pela pouca "sabedoria" da população é antiga, e pretende, no fim das contas, retirar do povão a possibilidade de decidir os seus destinos, mesmo que se cometam erros...

democracia só se aperfeiçoa com mais democracia, e nunca com exclusão...

os manipuladores da informação, os editoriais mentirosos, a distorção dos dados são todos feitos por diplomados, a serviço do poder econômico...

não há inocentes, nem ingênuos nessa luta...o povo quando troca seu voto por algum favor, apenas imita um "modelo" que dá certo nos andares de "cima" da sociedade...ou o FUNDECAM, que subsidia empresas privadas com dinheiro público não é uma espécie de bolsa-empresário...

o problema que esses "acertos" feitos nos gabinetes, e sob a tutela de "pareceres" dos "especialistas" é vendido como incentivo ao progresso, mas não passa da velha troca de apoio político por vantagens...

nosso desafio é publicizar essas instâncias de disputa pelos investimentos, e tornar o dinheiro público um instrumento a serviço de todos os públicos, e não apenas de um seleto público...

Professora Hilda Helena disse...

Amados, Xacal e Digui:

Realmente; pensando,analisando cheguei a conclusão que o final do texto poderia ter sido melhor...

Tanto é que pedi que me corrigissem caso falasse alguma bogagem....

Confesso que minha revolta com a qualidade de nossa Educação me tira do sério...

Caracas,nossas leis que regem nossa Educação no país é muito arcaica;....coisas sérias poderiam merecer destaque e são tratadas com descaso como Projeto Político Pedagógico,Eleições para diretores,o sistema educacioanal é pésssimo,os profisssioanais de Educação segundo pesquisas não estão saindo capacitados como deveriam.

Aproveito este comentátio para dizer que falei bobagem e final do meu discusso foi mal colocado...

Laguardia disse...

Mensagem da Thaís

Amigos de fé e luta! Já está na hora de pensar em um meio de darmos continuidade a tudo isso. Estamos inspirando e sendo inspirados por essa bela campanha.

Criei o http://bravagentebrasileira.ning.com/ . Na opinião de vocês isso funcionará para que continuemos unidos? Esse ning é uma espécie de rede, onde é feito cadastro e só participam os cadastrados. Ainda não editei e nem defini o layout, mas já peço a opinião de vocês. O que vocês acham? Conhecem?

Ah...lembram-se da idéia dos adesivos? Ainda está de pé? Vamos adesivar nosso país? Opinem também!

Assistiram o programa partidário do PV com a doce Marina? Babei! Ela vem com tudo...

Agora somos 72 corações brasileiros, acordando mais tantos adormecidos!

Está na hora de começarmos a agir mais concretamente, continuamos a protestar nos nossos blogs, e mails etc., mas vamos partindo para ações mais concretas.

No entanto a participação do maior número de pessoas possíveis é necessária.

Mais uma vez parabéns a Thaís belo brilhante trabalho que vem realizando em prol do Brasil

Envie suas sugestões como comentários para:

http://brasillivreedemocrata.blogspot.com ou para http://omundobythais.blogspot.com/